Sobre a Cerveja Monstro

Cerveja Monstro
Cerveja Monstro – Monstro Cerveja Artesanal

A Monstro Cerveja Artesanal é um hobby, nasceu da vontade de degustar boa cerveja, de fazer algo com as próprias mãos, de experimentar coisas novas e de ajudar a disseminar a cultura da cerveja de verdade.
Foram realizadas gambiarras adaptações em boa parte dos equipamentos utilizados para a produção, que é completamente artesanal, e pouco tempo depois as primeiras cervejas começaram a ser produzidas em um processo de aprendizado, testes e aprimoramento que felizmente parece não ter fim.
Desde o seu nascimento os melhores ingredientes são utilizados na produção (maltes, lúpulos e fermentos), a maior parte deles é importada de países como Alemanha, Estados Unidos, Bélgica, Reino Unido, Republica Checa e Argentina.
Seu fundador e “mestre cervejeiro” é um apaixonado sommelier de cerveja e vez ou outra se aventura nas panelas da cozinha. De forma óbvia, essa combinação resultou em novas aventuras, dessa vez com panelas maiores e em busca dos sabores e aromas das boas cervejas.

26 comentários em “Sobre a Cerveja Monstro”

  1. olá,..
    conheço pouco sobre cervejas (muito pouco),…mas lembro de quando eu era adolescente,..minha mãe fazia cerveja preta em casa (muito boa),..como gaúcho, aprecio uma cerveja durante o preparo do churrasco,..resumindo: gostaria de fazer cerveja preta, alguma receita, dicas onde comprar, como preparar…qualquer informação eu agradeço!
    pode ser de cerveja preta (tcheca) – Rafael Kupka. Abraço!

    1. Oi Rafael,

      Acho que não são só os gaúchos que apreciam uma cerveja enquanto preparam o churrasco, a diferença é que geralmente o resultado do churrasco é normalmente melhor quando um gaúcho está no comando. rs

      Aqui mesmo no blog já postei algumas receitas de cervejas escuras, você pode começar por qualquer uma delas.
      Receita Dry Stout e o resultado
      Receita Brown Porter e o resultado
      Receita English Brown Ale e o resultado

      Existem lojas que vendem insumos para fazer cerveja, já comprei em duas lojas do sul do país, a WE e a Cia da Cerveja, mas como sou de SP o frete acaba pesando um pouco.
      Aqui no estado de SP compro em três lojas e sempre fui muito bem atendido Beerlovers, Lamas e Artebrew

      Você mencionou que conhece pouco sobre cervejas, aqui tem uma visão geral do processo, dá uma lida lá e se tiver qualquer dúvida é só deixar sua pergunta nos comentários que terei o maior prazer em ajudar.

      Abraço

      1. Oi – Hoje que via resposta (29/10) – Vou ver com quem está a prensa de fechar garrafas e comprar os insumos…logo farei algumas – abrigado pelo retorno ! abração!

    1. Cara,

      A Cerveja Monstro é um hobby, a produção é limitadíssima e infelizmente não está a venda. Se você também faz cerveja em casa também deve ter a sensação de que uma leva de cerveja sempre desaparece muito rápido. =/

      Obrigado pela visita!
      Abraço

  2. Bom dia pessoal, tenho acompanhado a página de vocês e gostaria de parabeniza-los pela Cerveja Monstro, ótimos pareceres nos comentários, tudo muito legal!
    Sou cervejeiro caseiro, faço levas de 20 a 40 litros apenas para consumo com os amigos.
    Gostaria de saber se vocês disponibilizariam a receita da sua Bohemia Pilsen pois quero tentar produzir 40 litros e não encontrei nada na internet para me ajudar. Não me dou muito bem com o beersmith ainda, mas se tiverem alguma coisa lá, serve.
    Quero tentar aproximar á Wäls pilsen – minha preferida – para uma leva de 40 litros.
    desde já, agradeço a atenção

    1. Fala Daniel, tranquilo cara?

      No post da Bohemian Pilsner tem a receita para 20 litros, o que você precisa fazer é inserir aqueles dados no beersmith e depois usar o botão “scale recipe” para transformar a receita em uma leva de 40 litros.
      Se quiser facilitar as coisas, deixei a receita para 40 litros aqui , é possível fazer o download do arquivo pra usar no beersmith.
      Obrigado pela força!
      Abraço

  3. Muito bom cara, já fiz Weiss Bock, Tripel, Pilsen, Vit, Stout, e algumas outras mas admiro voce ter posto as receitas que irei experimentar, um abraço grande e parabéns, depois mando mensagem sobre… Pimentone

    1. Valeu Luiz! É bem legal poder compartilhar ideias sobre um dos assuntos que mais gosto, principalmente quando os outros cervejeiros que encontram esse blog participam!
      Obrigado pela visita e por favor compartilhe os resultados.
      Um abraço

    1. Boa tarde Rafael,

      Me perdoe pela demora, estou envolvido em outro projeto e este vem consumindo mais tempo do que o esperado.
      Existem lojas físicas que vendem insumos para a fabricação de cerveja, a Urbana (Jabaquara SP) é uma delas, mas tem bastante coisa na internet também, procure o Lamas, Artebrew, WE, tem muitas outras, mas minhas ultimas compras foram feitas nessas ai.

      Obrigado pela visita.
      Um abraço

  4. Monstro,

    Excelente trabalho que você vem realizando com estas experiências mostrando ao público que podemos fugir da “receita de bolo” das cervejas e dos típicos logos de camponeses com uma saca de trigo nas mãos. Sua personalidade é o que define o termo Cervejas Especiais. As fotos, videos e comentários mostram cervejas que nos despertam o desejo louco de prova-las, quase lambendo a tela do computador e deixando todos do trabalho sem entender nada rsrs. Enfim, parabéns pelas criações e beba uma por mim!

    Abraços!

    1. Oi Rafael,

      Obrigado cara!
      Essa experiência com o blog tem sido muito legal graças a pessoas como você, que também são apaixonados pela cerveja feita na panela e registram suas impressões nos comentários, essa troca é sensacional.
      Um dos pilares do conceito por trás da Cerveja Monstro nasceu dessa insatisfação com a mesmice ligada a cerveja (Essa mesmo que você citou).
      É bem legal saber que as minhas aventuras nas panelas são úteis para outras pessoas e que a identidade da Cerveja Monstro dialoga com outros cervejeiros.
      Muito obrigado pela força!
      E por favor, nada de lamber o monitor no trabalho, alguns já acham cervejeiros caseiros pessoas “excêntricas”, um flagra desses certamente não ajudaria a desmistificar nossa personalidade.
      Saúde!
      Um abraço

  5. Boa tarde, Monstro!

    Exatamente esta a palavra: “Mesmice”. Mesmo sendo um nicho de mercado, as cervejas artesanais com toda repercussão nos últimos tempos, tem se tornado um produto intensamente industrializado. Claro que a ideia quando um produto da certo é a produção em quantidades caralhais. Por sorte uma pequena parte ainda, mas em muitos mercados a única variância que temos são os rótulos e seu conteúdo não difere muito das outras nas prateleiras e quando difere, são extremamente caras!
    Esse blog realmente é muito bacana, nos da acesso às novidades, criações, protótipos, troca de idéias impressionantes!
    Estou com uma Pilsen maturando que só não abri ainda porque venho ao Monstro Cerveja Artesanal matar a vontade kkk.

    Muito bom, Derso!
    Parabéns!

    Abraços!

  6. Aliás, manda uma dica pra nós.
    Qual equipamento ou qual a forma que você controla a temperatura para fermentação/maturação. Vejo você descrevendo as temperaturas com boa precisão, acredito que seja um ambiente controlado?

    Abraços!
    Jonas

    1. Obrigado Jonas!
      Muito legal esse lance do blog de alguma forma ajudar outros cervejeiros, mas tem que abrir essa Pilsen ae!!
      Sempre fermento e maturo minhas levas dentro de refrigeradores ou freezer dedicados a produção de cerveja (sabe aquele equipamento que estava encostado na casa da tia? então, esse mesmo), uso também controladores de temperatura simples como esse, eles basicamente controlam quando seu refrigerador será acionado ou desligado, fazendo assim com que a temperatura fique no patamar que você deseja. São muito úteis esses brinquedinhos, vale a pena.

      Obrigado pela força.
      Abraço

  7. Fala, Monstro.

    Obrigado pela dica, cara.
    Nessa Pilsen eu optei pelo mesmo caminho, em uma geladeira que fica encostada em casa, mas pequei na maturação. O ideal que seria mais ou menos 10º abaixo da fermentação não ocorreu. Mas tranquilo, o legal da cerveja é que no final sempre teremos uma cerveja haha.
    Vou dar uma tunada nos equipamentos e bora pra próxima leva.

    E você.. o que tem preparado pra nós?

    Abraços!

    Jonas

  8. Cara, animal seu blog, parabens pelas brejas, deram agua na boca, estou comprando uns equipamentos e vou começar a produzir as minhas cervejas, e tem muito conteudo legal aqui, valeu mesmo

  9. sou Apicultor a temmppo, sempre fiz hidromel, tambem vinhos (uvas) de laranjas, amoras, jabuticabas,
    mas cervejas? as comerciais não bebia, mesmo em festa fazia de conta que bebia, mas em novembro de 2014 tomei cerveja de verdade, resultado em dezembro fiz 2 brassagem e continuei. Ja fiz mais de 500 litros ate agora, estou escrevendo porque sempre olho suas receitas antes de desenvolver as minhas, você é cara Derso

    Att.

    Dorival

    1. Mas que sensacional isso Dorival!
      Esse blog é movido a esse tipo de coisa, na real acho que tanto eu quanto você estamos ajudando a propagar a cultura cervejeira, isso é bom para todos nós 🙂
      Essas suas experiências com mel e frutas devem ser incríveis, adoraria tentar algo do tipo um dia desses.
      Muito obrigado pela força cara.
      Abraço

Deixe um comentário para nandolunardello Cancelar resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.